As famosas domingueiras de São Paulo nos anos 70

As famosas domingueiras de São Paulo nos anos 70

Começou como brincadeira entre amigos e virou coisa séria. Os conjuntos que tocavam nas festinhas da turma foram se aperfeiçoando e acabaram nos palcos dos maiores clubes de São Paulo. Eram as famosas domingueiras do Pinheiros, Paulistano, Harmonia, Ypiranga, Tênis Clube, Tietê, Espéria, Palmeiras, Vila Mariana, Banespa, Ypê, Sírio, Monte Líbano e provavelmente a mais famosa a do Círculo Militar. Nas pistas improvisadas quase sempre na quadra de esportes dos clubes, os jovens dançavam, paqueravam, namoravam ou simplesmente ficavam de olhos vidrados naqueles deuses que tiravam um som idêntico aos conjuntos de seus ídolos lá de fora. O tempo passa e quem diria que isso aconteceu nos anos 70 do século passado.

sunday2
Todos ficavam enfeitiçados pelas guitarras, pelos solos e a grande maioria dos moleques ficava apaixonado pela Vivian da banda Sunday. Era linda e que voz (com todo o respeito), já que era casada com o Hélio Costa Manso que fazia os teclados e também vocais do grupo.
Uma das formações iniciais da Sanday foi: Hélio Eduardo Costa Manso (vocal, teclados) Marcelo Caggiano (guitarra), Fábio Gasparini (guitarra), Vivian Costa Manso (vocal), Carlinhos Marques (guitarra e vocal), Márcio Negrão ( guitarra e voz ), Claudio Negrão ( baixo ) e Gel Fernandes (bateria).
A banda ainda se encontra em atividade com o Hélio, Vivian e Gel da formação original.

Mate a saudade das domingueiras em dois tempos, ouvindo “I’m Gonna Get Married”  na gravação dos anos 70 e agora.

 

sunday-80291-capa01

sunday1

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>